Tour sul da Espanha: Sevilha e Córdoba

Por Teresa Perez Tours

De todas as regiões da Espanha, tão distintas umas das outras, a Andaluzia – localizada no ponto em que a Europa encontra a África – é a que tem a alma mais espanhola.

Pelas cidades andaluzas, as grandes e as pequenas, reverberam dois sons inconfundíveis: à noite, a cadência seca e segura das castanholas; de dia, o vibrante olé das touradas. Se hoje esses sons são sinônimos de Espanha no mundo inteiro, os créditos devem ser dados integralmente à Andaluzia: a região é o berço do flamenco – música e dança – e das “corridas de toros” modernas.

Mas a Andaluzia não é só isso. O sul da Espanha guarda as mesquitas e os palácios árabes mais suntuosos de toda a Europa, legados dos séculos em que a Península Ibérica foi dominada por califas mouros. E oferece uma riqueza única de paisagens: praias mediterrâneas e atlânticas, florestas protegidas, deserto e montanhas nevadas.

 

SEVILHA

Percorrer o centro de Sevilha é mergulhar nas duas épocas de ouro da capital andaluza. A primeira delas é a do domínio mouro. O Alcázar, palácio que abrigava os califas, gaba-se de seus detalhados traços árabes e incontáveis pátios e jardins internos. A Torre del Oro, ainda intacta à beira do Rio Guadalquivir, protegia a cidade de invasores. A segunda época de ouro é a da Reconquista da Península Ibérica e a dos primórdios da colonização da América, sob os reis católicos. A majestosa catedral gótica foi construída para ser um dos maiores templos cristãos do mundo. A poucos passos dali, o prédio do Arquivo Geral das Índias conserva as salas de onde se controlavam as navegações e o comércio entre o Novo Mundo e o Velho Continente. Modernos bondes elétricos cortam lentamente o caminho entre um monumento e outro. E lembram que, apesar de toda a riqueza histórica, Sevilha não parou no tempo.

1. Sevilha

Sevilha
Foto: Teresa Perez Tours

*O que fazer?

PASSEIOS

– Giralda

A Giralda é uma torre de 100 metros, protagonista na silhueta urbana de Sevilha. Une duas épocas áureas: a base foi erguida no domínio mouro, como minarete de uma antiga mesquita; o topo da torre foi concluído na época do reino católico, transformando a Giralda no campanário da catedral.

1.2 Sevilha - Passeios - Giralda

Giralda
Foto: Teresa Perez Tours

– Plaza de Toros

Como muitas outras cidades espanholas, Sevilha tem sua monumental plaza de toros. É na arena arredondada de estilo tardo-barroco, construída no século XVIII às margens do Rio Guadalquivir, que os sevilhanos assistem aos emocionantes duelos entre homem e touro.

1.2 Sevilha - Passeios - Plaza de Toros

Plaza de Toros
Foto: Teresa Perez Tours

– Flamenco

Sevilha é célebre por seus tablaos. São pequenos palcos tomados por bailaoras que sapateiam ao som de batidas rasgadas de violão, palmas ritmadas e modulações viscerais no canto. Das tradições espanholas, inquestionavelmente, o flamenco é a mais emocionante.

1.2 Sevilha - Passeios - Flamenco

Flamenco
Foto: Teresa Perez Tours

*Onde comer?

RESTAURANTES

– Taberna del Alabardero

Com filiais em Madri e Washington D.C., a Taberna del Alabardero é considerado um dos melhores restaurantes de Sevilla. O cardápio é constantemente adequado aos produtos de cada estação, e as receitas inovadoras são combinadas com tradicionais pratos da culinária espanhola. Uma completa seleção dos melhores vinhos representa todas as regiões vinícolas do país.

1.3 Sevilha - Restaurantes - Taberna del Alabardero

Restaurante Taberna del Alabardero
Foto: Teresa Perez Tours

Onde encontrar:

Taberna del Alabardero Hotel
Calle Zaragoza, 20, Sevilha
Tel: 34 954 502721
www.tabernadelalabardero.es

 

– El Burladero

As ‘tapas y tintos’ são o destaque do El Burladero, que apresenta inovadoras técnicas de preparação e apresentação das tradicionais receitas andaluzas, servidas em ambiente requintado.

1.3 Sevilha - Restaurantes - Burladero

Restaurante El Burladero
Foto: Teresa Perez Tours

Onde encontrar:

Hotel Meliá Colón
Calle Canalejas, 1, Sevilha
Tel: 34 954 505599
www.gran-melia-colon.com

 

– Cerveceria Giralda

Tradicional bar de tapas, a Giralda é um dos mais disputados da cidade. As mesas ao ar livre proporcionam um clima todo especial ao final do dia, quando a região fica cheia de vida.

Onde encontrar:

Calle Mateos Gago, 1, Sevilha

 

*Onde ficar?

HOTEL

– Hotel Alfonso XIII

O Alfonso XIII leva o nome do rei que encomendou a construção do palácio em 1928. Já naquela época, foi projetado para ser o mais luxuoso hotel da Europa. Está situado bem próximo ao Reales Alcázares e a Plaza de España, na histórica cidade de Sevilha. Construídos para abrigar os chefes de estado na Grande Exposição Ibero-Americana de 1929, o hotel continua a tradição de requinte em todos os quartos, que seguem a decoração clássica espanhola. Com três restaurantes, um dos destaques é a Bodega Afonso, que serve as tradicionais tapas espanholas.

1.4 Sevilha - Hotel - Alfonso XIII (1)

Foto: Hotel Alfonso XIII

1.4 Sevilha - Hotel - Alfonso XIII (3)

Foto: Hotel Alfonso XIII

Onde encontrar:
www.starwoodhotels.com

 

CÓRDOBA

Córdoba guarda o esplendor dos grandes povos que passaram pelo sul da Península Ibérica. As marcas do passado, magníficas e resistentes, espalham-se por cada canto da cidade. No primeiro século de nossa era, sob o imperador Augusto, Córdoba se expandia vigorosamente e dava especial atenção ao urbanismo. Daquele Império Romano, conserva estátuas, colunas, mausoléus e a inabalável ponte de pedra sobre o Rio Guadalquivir. O período mouro renovou o brilho da cidade. A mesquita, grandiosa, e a Medina Azahara, uma verdadeira cidade a poucos minutos de Córdoba, são belos exemplares da incomparável arquitetura árabe. Os judeus também deixaram marcas. No bairro conhecido como Judería, a sinagoga levantada no século 14 guarda, intactos, seus arcos de gesso em estilo mudéjar. Milenária, Córdoba lembra que vários povos foram decisivos para a formação da Espanha que conhecemos hoje.

2. Córdoba

Córdoba
Foto: Teresa Perez Tours

*O que fazer?

PASSEIOS

– Centro Histórico

O centro histórico de Córdoba compreende o entorno da mesquita e o antigo bairro judeu, chamado Judéia. Repleto de importantes monumentos, charmosas alamedas e praças floridas, a região foi declarada Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Este foi o centro cultural da cidade no período em que Córdoba era um dos mais fortes centros comerciais, culturais e científicos do Ocidente. A melhor forma de explorar o Centro Histórico é a pé, perdendo-se por suas labirínticas ruelas e desfrutando da atmosfera agradável. Diversos restaurantes, cafés e lojinhas convidam a um tranquilo passeio.

 

– Alcázar de Los Reyes Cristianos

Construída no século 14, o Palácio dos Reis Cristãos serviu de fortaleza para Fernando, de Aragão, e Isabel, de Castela – os monarcas católicos responsáveis pela expulsão dos mouros e unificação do país sob a doutrina cristã. Foi neste alcázar que os reis e seus comandados prepararam a batalha que culminou na reconquista de Granada, o último reduto árabe na Península Ibérica. Foi também neste palácio que Cristóvão Colombo despediu-se de Fernando e Isabel, ao partir em busca do Novo Mundo. O local serviu também de sede para a inquisição espanhola ao longo de 350 anos e, no século 19, abrigou uma prisão militar. Atualmente, a visita tem como um de seus destaques os belos jardins mouros e mosaicos romanos remanescentes de construções anteriores que ocuparam o local.

 

– Mesquita Catedral

Entre colunas e arcadas, detalhes e cores, a grande mesquita consegue recriar a atmosfera religiosa e artística que envolvia Córdoba, então um califado, há mais de mil anos. É uma das construções mais inspiradoras que os árabes deixaram na Europa. Na Reconquista, a mesquita é convertida em catedral.

2.2 Córdoba - Passeios - Catedral Mesquita

Catedral Mesquita
Foto: Teresa Perez Tours

*Onde comer?

RESTAURANTES

– Caballo Rojo

Tradicionais receitas da culinária local e de outras cidades da Andaluzia são os destaques deste restaurante, em funcionamento desde 1962. Do seu terraço, tem-se uma bela vista para a cidade.

2.3 Córdoba - Restaurantes - Caballo Rojo

Restaurante Caballo Rojo
Foto: Teresa Perez Tours

Onde encontrar:

Cardenal Herrero, 28. Córdoba
Tel: 34 957 475375
www.elcaballorojo.com

 

– Almudaina

O Almudaina está situado em um antigo palacete do século 16. Em diferentes ambientes, os visitantes saboreiam pratos da culinária local com toques inovadores. A decoração é realçada pelos detalhes regionais, e o local dispõe de um pátio coberto por uma cúpula de vidro.

2.3 Córdoba - Restaurantes - Almudaina

Restaurante Almudaina
Foto: Teresa Perez Tours

Onde encontrar:

Plaza Campo Santo de los Mártires, 1, Córdoba
Tel: 34 957 474342
www.restaurantealmudaina.com

 

– Bodegas Campos

Um dos estabelecimentos favoritos de Córdoba, a Bodegas Campos, situada em uma agradável ruela em um bairro residencial, oferece aos visitantes selecionadas receitas locais, acompanhadas de bons vinhos. O ambiente é rústico e retrata a tradição do local, aberto há mais de um século.

2.3 Córdoba - Restaurantes - Bodegas Campos

Restaurante Bodegas Campos
Foto: Teresa Perez Tours

Onde encontrar:

Calle Los Lineros, 32, Córdoba
Tel: 34 957 497500
www.bodegascampos.com

 

*Onde ficar?

HOTEL

– Hospes Palacio del Bailío

O Hospes Palacio del Bailío é o único hotel cinco estrelas de Córdoba. Em 1982 foi declarado Patrimônio Cultural na categoria monumento. Está localizado no centro da cidade e é a perfeita combinação de cultura, bem-estar, arte, História, gastronomia e tranquilidade. Os 40 quartos e 14 suítes são decorados com detalhes que preservam a essência do passado e do presente de Córdoba. O hotel ainda oferece gastronomia elaborada com produtos naturais no Restaurante Senzone e no Bar de Tapas Senzone.

2.4 Córdoba - Hotel - Hospes Palacio del Bailio (1)

Foto: Hotel Hospes Palacio del Bailio

2.4 Córdoba - Hotel - Hospes Palacio del Bailio (3)

Foto: Hotel Hospes Palacio del Bailio

Onde encontrar:
www.hospes.com