Tour Peru: Machu Picchu e Puno

Por Teresa Perez Tours

MACHU PICCHU

Enigmática, a cidadela de Machu Picchu é o sítio arqueológico mais conhecido da América do Sul, atraindo milhares de visitantes todos os anos. Localizadas a 2.560 metros de altitude na Cordilheira dos Andes, as ruínas desta antiga cidade inca impressionam por sua complexidade, pelo bom estado de conservação, e pela avançada tecnologia desenvolvida pelo povo inca que realizou a proeza de erguê-la em um lugar praticamente inacessível.

Machu Picchu Foto: Teresa Perez Tours

Machu Picchu
Foto: Teresa Perez Tours

O traçado das antigas casas feitas em pedra perdurou por séculos, evidenciando duas zonas principais: a urbana, onde estão os templos, palácios, praças e casas, e a agrícola, composta por terraços próprios para o cultivo da terra.

O sítio foi descoberto em 1911, pelo historiador americano Hiram Bringman que ficou maravilhado com a beleza e a grandiosidade do lugar.

Machu Picchu Foto: Teresa Perez Tours

Machu Picchu
Foto: Teresa Perez Tours

Machu Picchu foi usada simultaneamente para cultos e observação astronômica, sendo também o lugar de descanso e lazer da família real inca. Além disso, foi também um grande centro de estudos, onde se ensinava astronomia, agronomia, medicina e arquitetura. Foram encontrados observatórios astronômicos, calendários solares e relógios de sol, constituindo um acervo digno de seu tombamento como Patrimônio Cultural e Natural da Humanidade pela Unesco, em 1983.

As ruínas Foto: Teresa Perez Tours

As ruínas
Foto: Teresa Perez Tours

As ruínas Foto: Teresa Perez Tours

As ruínas
Foto: Teresa Perez Tours

Além da cidadela de Machu Picchu, o Vale do Rio Urubamba guarda um eficiente sistema de estradas construídas pelos Incas para integrar as regiões de seu vasto império, chamado de Caminho Inca.

Vale do Rio Urubamba Foto: Teresa Perez Tours

Vale do Rio Urubamba
Foto: Teresa Perez Tours

O trajeto mais conservado é o que liga Cusco a Machu Picchu, e seus 40km podem ser realizados a pé, durante 4 dias de caminhada com alto nível de dificuldade. Suas paisagens e natureza exuberantes são os principais motivos que levam aventureiros de todo o mundo a vencer seus desafios – leia mais aqui.

*Onde ficar?

Inkaterra Machu Picchu Pueblo Hotel

Na base da montanha da cidade perdida, a unidade de Machu Picchu do Inkaterra remete a um povoado andino nas suas instalações.

Foto: Inkaterra Machu Picchu Pueblo Hotel

Foto: Inkaterra Machu Picchu Pueblo Hotel

Foto: Inkaterra Machu Picchu Pueblo Hotel

Foto: Inkaterra Machu Picchu Pueblo Hotel

 

Com grande foco na sustentabilidade, o hotel conta com guias especializados em meio ambiente e diversos passeios guiados pela região – confira aqui.

Foto: Inkaterra Machu Picchu Pueblo Hotel

Foto: Inkaterra Machu Picchu Pueblo Hotel

Onde encontrar:
www.inkaterra.com

Belmond Sanctuary Lodge 

A localização é um dos principais destaques do Belmond Sanctuary Lodge – único hotel vizinho à mística cidadela de Machu Picchu, que possibilita fácil acesso às ruínas. Mas a propriedade também encanta seus clientes com suas instalações.

Foto: Belmond Sanctuary Lodge

Foto: Belmond Sanctuary Lodge

 

Confortáveis e ecologicamente corretos, muitos de seus apartamentos e suítes dão vistas inigualáveis para o entorno. No restaurante, as refeições são um deleite para o paladar e para olhos – enquanto prova-se a premiada gastronomia peruana, os visitantes também apreciam as deslumbrantes vistas ao redor.

Foto: Belmond Sanctuary Lodge

Foto: Belmond Sanctuary Lodge

Foto: Belmond Sanctuary Lodge

Foto: Belmond Sanctuary Lodge

Onde encontrar:
www.belmond.com/sanctuary-lodge-machu-picchu

Belmond Hiram Bingham [trem]

Sua rota através de terras Incas praticamente inacessíveis torna única a experiência de alcançar a espiritualizada Machu Picchu. Partindo de Cusco, o trem passa pelo Vale Sagrado com florestas e coloridas vilas nos pés dos Andes até chegar à mística Machu Picchu.

Foto: Belmond Hiram Bingham

Foto: Belmond Hiram Bingham

A bordo de uma das mais surpreendentes rotas de trem do mundo, é possível desfrutar de um dos 4 trens Belmond que percorrem o Peru, cada qual com suas características. O Hiram Bingham é o mais sofisticado e glamoroso.

Foto: Belmond Hiram Bingham

Foto: Belmond Hiram Bingham

Foto: Belmond Hiram Bingham

Foto: Belmond Hiram Bingham

Onde encontrar:
www.belmond.com/pt-br/hiram-bingham-train

PUNO

Cidade base para se visitar o belíssimo Lago Titicaca. Puno é o berço de uma das culturas mais antigas do Peru, e suas manifestações folclóricas atraem diversos visitantes, oferecendo animadas festividades, roupas coloridas de lã e belo artesanato.

Puno Foto: Teresa Perez Tours

Puno
Foto: Teresa Perez Tours

Descendentes de muitos povos pré-colombianos, posteriormente influenciados pelos costumes ocidentais trazidos pelos espanhóis, criaram uma cultura mestiça e única, com mais de 300 danças diferentes, cada uma representando um aspecto da vida cotidiana.

Sua indústria têxtil é muito elaborada, com vestidos de todas as cores feitas em lã de alpaca ou de ovelha. Todos os anos há um grande número de celebrações e eventos culturais, que celebram a diversidade deste belo povo.

Artesanato em Puno Foto: Teresa Perez Tours

Artesanato em Puno
Foto: Teresa Perez Tours

Lago Titicaca

Considerado um lago sagrado pelos incas, o Lago Titicaca é o maior lago navegável do mundo, pertencendo metade à Bolívia e metade ao Peru – veja mais aqui.

Lago Titicaca Foto: Teresa Perez Tours

Lago Titicaca
Foto: Teresa Perez Tours

Segundo a lenda inca, os fundadores do antigo Império teriam emergido das águas deste lago, que possui uma luminosidade muito particular.

Lago Titicaca Foto: Teresa Perez Tours

Lago Titicaca
Foto: Teresa Perez Tours

*Leia aqui mais dicas do Peru.

Para mais informações, entre em contato para ter seu roteiro personalizado por

Magari blu e Teresa Perez Tours:

[email protected]