O romano Alberto Sordi

O cinema italiano nos convida sempre a aprender um pouco mais sobre suas grandes estrelas. Ainda mais as romanas.

Alberto Sordi foi um ator e diretor italiano nascido em Roma e é até hoje fiel retrato da cidade.

É um dos principais atores cômicos da Itália, sobretudo para papéis que envolviam Roma, por toda a sua “romanità”.

Foi com o grande diretor Federico Fellini que passou a brilhar de verdade no cinema, nos filmes “Lo sceicco bianco” e “I vitelloni”. Mas foi o filme “Un americano a Roma”, do diretor Steno, que lhe rendeu a cena da macarronada que está estampada na parede de diversas trattorias em Roma.

A famosa cena do macarrão em
“Un americano a Roma”, de Steno (1954)

“Maccarone, m’hai provocato e io ti distruggo”

[“Macarrão, me provocou e eu te destruo”]
Sordi imortalizou também a frase do poeta Giuseppe G. Belli, que nos faz rir no filme “Il marchese del Grillo”, do incrível diretor Mario Monicelli:

“Mi dispiace ma io so io e voi non siete un cazzo!” [“Sinto muito, mas eu sou eu e vocês não são p… nenhuma!”].

Assista:

“Il marchese del Grillo”,1981, de Mario Monicelli

Sordi nos deixou em 2003, diante de um funeral que levou 500 mil pessoas a Piazza San Giovanni in Laterano, em Roma, tamanha a admiração que tem do povo italiano. Ou melhor, romano.