Dicas da Costa Brava, Espanha

Vivendo em Barcelona por Eloy Campagnoni

Se você está vindo para Barcelona agora em setembro, acertou em cheio. Até meados de outubro a temperatura fica mais amena e a onda de turistas em massa retorna para as suas casas. As praias ficam mais tranquilas e com um público mais interessante e muito agradável.

E a minha dica é se atirar por um período nas praias da Costa Brava, que estão inseridas num cenário bucólico muito parecido com a Toscana, cheio de ciprestes e praias rochosas com um mar verde esmeralda de cair o queixo.

Costa Brava Foto: Reprodução

Costa Brava
Foto: Reprodução

Pra completar, a gastronomia acontecendo nessa região é muito importante: lá está o restaurante El Celler de Can Roca, eleito este ano, mais uma vez, o melhor restaurante do mundo.

El Celler de Can Roca Foto: Divulgação

El Celler de Can Roca
Foto: Divulgação

Tive a sorte de conseguir uma reserva ali há pouco tempo e confesso que não consegui dormir a noite de tanta emoção por duas razões: encontrei no restaurante nada menos que o Woody Allen com sua mulher, e não consegui me conter para tirar uma foto com ele, e o atendimento, o cardápio e a atmosfera são tão impecáveis que te fazem se sentir tão bem que dá vontade de ir embora. Os pratos representam a historia desses irmãos encantadores.

Portanto, abra sua cabeça, saia um pouco do circuito convencional, e mergulhe uns dias na região cheia de segredos e paisagens com hotéis e restaurantes excelentes para todos os gostos. Muitos deles são chiringuitos localizados nas “Calas” e povoados.

*Onde ir?

A Costa Brava está na Província de Girona. Tem início no município de Blanes e se estende até a fronteira com a França, ao nordeste de Barcelona. O ideal é alugar um carro e sugiro cotar no site Do you Spain que continua fazendo ofertas incríveis para a temporada.

São 2 rotas que ligam Barcelona à região:

Você pode ir pelo caminho que acompanha o litoral, que é mais cansativo (Rota da C 32), ou pela fora AP7/E15 que é uma rodovia expressa. Nada que um bom GPS não possa te ajudar. Escolha os povoados e praias que deseja conhecer e pé na estrada. O percurso todo até a França não dá mais do que 2 horas direto. Portanto, relaxe a vá desfrutando as paisagens lindas da região de Empordá.

Uma outra opção muito legal é alugar um barco e conhecer a região pelo mar, que tem um encanto totalmente diferente e muito sofisticado. Existem serviços muito bons de aluguel em Barcelona e em algumas praias da região. Se precisar de ajuda, deixe seu comentário e nós te ajudamos.

O pedaço mais interessante em minha opinião se inicia em Tossa Del Mar. Uma cidadezinha bastante interessante com uma área antiga muito bonita e cheia de restaurantes e bares.

Não é das mais charmosas da região, mas tem um encanto peculiar. Sem falar nas praias belíssimas. Destaque para a Calla Bonna.

Tossa del Mar Foto: Reprodução

Tossa del Mar
Foto: Reprodução

Calla Bonna Foto: Eloy Campagnoni

Calla Bonna
Foto: Eloy Campagnoni

Calla Bonna Foto: Eloy Campagnoni

Calla Bonna
Foto: Eloy Campagnoni

Outros povoados interessantes são Calella de Parafrugel e Tamariu.

Em Calella, existe um restaurante pé na areia chamado Tragamar, que serve uma paella de lagosta de comer de joelhos. Se chegar pela região, faça reserva rapidinho porque costuma lotar e não tem muitas mesas.

Restaurante Tragamar Foto: Divulgação

Restaurante Tragamar
Foto: Divulgação

Tamariu tem uma praia muito gostosa e um hotel e restaurante logo à direita de quem chega pela praia. Eles fazem um ceviche ótimo a um preço bem razoável. Não é uma praia sofisticada, mas muito agradável para se passar a tarde desfrutando do mar cristalino e refrescante – tem até um trampolim para os mais audaciosos. Uma simplicidade que encanta.

Tamariu Foto: Reprodução

Tamariu
Foto: Reprodução

Begur é um povoado muito charmoso e tranquilo. Você vai ficar encantado com o núcleo antigo. Vale muito a pena conhecer. Destaque para a Playa Fonda, Fornell e Aiguablava.

Begur Foto: Reprodução

Begur
Foto: Reprodução

Cadaques é um sonho. Além de ser a praia que serviu de cenário ao romance turbulento de Salvador Dali e Gala, ela é um charme só.

A estradinha que leva até o vilarejo é cheia de montanhas vertiginosas. Muito interessante esse passeio. Para informações mais detalhadas, veja aqui e aqui.

Cadaques Foto: Reprodução

Cadaques
Foto: Paul Hayes / paulhayes.photography/photos/cadaques

Museu Dali Foto: Reprodução

Museu Dali
Foto: Reprodução

Uma lista das praias de Cadaques você encontra aqui.

Onde ficar?

Hotel Castell d’Emporda

Castell d’Empordà tem 38 quartos que combinam a mágica do antigo castelo de 1.000 anos com decoração moderna e conforto.

Hotel Castell d'Emporda Foto: Reprodução

Hotel Castell d’Emporda
Foto: Reprodução

São 12 hectares de área, com oliveiras, piscina e vistas de tirar o fôlego.

Onde encontrar:
www.hotelcastellemporda.com

Hotel Mas Lazuli

Mas Lazuli é uma casa de campo recentemente reformada, que mantém a arquitetura do século 11 de um antigo monastério catalão.

Cercado por vinhedos e oliveiras, está localizado a 5km de Roses, entre Figueres e Cadaqés, no coração de Empordà.

Hotel Mas Lazuli Foto: Reprodução

Hotel Mas Lazuli
Foto: Reprodução

São apenas 7 suítes e 9 quartos com vistas panorâmicas da Baía de Rosas e dos campos de oliveiras.

Onde encontrar:
hotelmaslazuli.es

Hotel Salles Cala del Pi

O hotel oferece spa, restaurante Rosa del Vents com cozinha criativa, área reservada para crianças e fitness center – tudo isso com o prazer de contemplar o Mediterrâneo.

Hotel Salles Cala del Pi Foto: Reprodução

Hotel Salles Cala del Pi
Foto: Reprodução

Onde encontrar:
www.hotelcaladelpi.com

Aqui você encontra outras opções de hotéis charmosos pela região.

Eloy Campagnoni é advogado e trabalhou muitos anos como Diretor Jurídico em uma grande multinacional e em seu escritório próprio. Apaixonado pela vida, pelas pessoas e pela gastronomia, decidiu mudar-se recentemente para Barcelona, onde continua advogando, mas dedicando um bom tempo para se reciclar, explorar oportunidades de negócios entre o Brasil e Europa e descobrir novos caminhos – como ele conta aqui no Magari blu.