Dia Beacon em NYC

Viagens culturais por Ana Luiza Brant

Quem procurava dar uma escapada dos pontos mais turísticos de Nova York encontrou uma saída. A uma hora de trem de Manhattan, às margens do Hudson River, uma antiga fábrica da famosa marca de biscoitos Nabisco foi recontextualizada e hoje abriga o museu de arte contemporânea Dia Beacon.

6867335ea5da8ac24594e8a317c3a029

Dia Beacon às margens do Rio Hudson
Foto: Reprodução

O enorme salão, com cerca de 22,3 mil metros quadrados, perfeito para as grandes instalações, pinturas e esculturas que compõem o acervo, abriga dezenas de trabalhos dos grandes mestres da cena da arte contemporânea.

f06cb726ce616a77f0b1e85a58afd463

Foto: Reprodução

47bffc8f259b8259eb7c81f5c5dae0a2

Foto: Reprodução

Iluminado 100% por luz natural obras em grande escala como a aranha de Louise Bourgeois, esculturas em metal de Richard Serra, fotografias de Bernd&Hilla Becher, desenhos-murais de Sol Lewitt e uma sala dedicada especialmente a Andy Warhol, ganham ainda mais destaque.

IMG_0980-600x400

Foto: Reprodução

MOU-I-Body1-dig-pro-cc-hi-800x533

Foto: Reprodução

95d63eec0b20570e6f61b6e211f4a23d

Foto: Reprodução

Projetado pelo artista Robert Irwin, o jardim do museu, no mesmo tom minimalista, é uma obra de arte à parte. De tempos em tempos as obras expostas são alteradas, mas os trabalhos de maior destaque não são tirados de exibição.

Como chegar:

Pegar o trem da Metro/North Railroad na estação Grand Central
(42nd Street e Park Avenue)

Entrada:
Adultos: $12
Idosos (age 65+): $10
Estudantes: $8
Crianças até 12 anos: grátis

*Ana Luiza Brant é publicitária, passou pela TV e pelo rádio, e hoje comanda o editorial do site ArtScoop. Escreve sobre cultura, arte, design, fotografia e tendências e carimba seu passaporte o máximo de vezes que conseguir. Para o Magari blu, traz um pouco desse universo cultural pelo mundo.