Destinos na costa uruguaia

Viagens pela América Latina por Roberto Farkas Bitelman

Apesar de ser um país pequeno, no Uruguai existem alguns destinos bem interessantes, com bons hotéis e restaurantes e vários pequenos produtores rurais que oferecem produtos de dar água na boca, de forma artesanal.

Para ajudar a montar uma viagem pelo país, vou dividir um pouco da minha experiência pela costa uruguaia.

Meu primeiro destino foi a pequena e charmosa vila de Colonia del Sacramento, onde cheguei vindo de Buenos Aires, num enorme barco que cruza o Rio da Prata em pouco mais de 1 hora.

Dali segui (1 hora de carro) para a pequena cidade de Carmelo, também à beira do Rio da Prata, que é super pacata. O que mais gostei dali foi a Finca Narbona, que produz artesanalmente alguns tipos de vinho, queijos, azeites, massas e doces. Tudo com muito charme e capricho. Como se não bastasse, a Finca oferecer hospedagem com 5 quartos enormes, muito confortáveis e com linda vista dos vinhedos. É uma experiência e tanto.

RFB IMG_5651

Fábrica artesanal de pães na Finca Narbona, em Carmelo
Foto: Roberto Farkas Bitelman

Outra opção de hospedagem bem pertinho é o Four Seasons Carmelo, talvez o menor Four Seasons do mundo, com somente 40 quartos. Se for ficar no Four Seasons, não deixe de jantar na Finca Narbona. E se for ficar na Finca Narbona, não deixe de fazer um Day Use no Four Seasons, que tem uma incrível piscina e um spa excelente.

RFB IMG_5728

Piquenique a beira do Rio da Prata, próximo a Carmelo
Foto: Roberto Farkas Bitelman

Dali segui para Montevidéu (2 horas), que é uma cidade bem espalhada pelo litoral, super tranquila e arborizada. Tem alguns bons bares e restaurantes, e um mercado central interessantíssimo, com os mais variados tipos e cortes de carne, que honram a fama da parrilla uruguaia.

E depois disso fui para a região de Punta del Este, La Barra e Jose Ignacio. Conheci alguns bons hotéis e restaurantes, visitei o Museo Villaró e percorri um bom trecho pelo litoral. As duas surpresas mais agradáveis foram o vilarejo de Jose Ignacio, com belas casas e hotéis, restaurantes pitorescos, e tudo isso num local minúsculo, bem charmoso.

RFB IMG_5865

Quarto do Hotel Las Cumbres, a 10 minutos de Punta del Este
Foto: Roberto Farkas Bitelman

RFB IMG_5905

Piscina do Hotel Casa Suaya em Jose Ignacio
Foto: Roberto Farkas Bitelman

A outra coisa que me chamou muito a atenção foi o pueblito de Garzón, a 30 minutos de carro de Jose Ignacio. Ali está o hotel e restaurante do Francis Mallmann – El Garzón – além de outras excelentes opções gastronômicas e de hospedagem. Tudo isso num povoado que abriga somente 200 habitantes.

RFB IMG_5924

Hotel Flutuante, Laguna Garzon, a 30min de Jose Ignacio
Foto: Roberto Farkas Bitelman

Minha recomendação é passar 2 noites em Colonia, 2 ou 3 em Carmelo, 2 em Montevidéu e, finalmente, 3 em Jose Ignacio ou Garzon. Boa viagem!

*Administrador especializado em Comportamento do Consumidor, Roberto Farkas Bitelman está no ramo de viagens há 13 anos e seu trabalho é focado em destinos no Brasil e América Latina. É fundador do selo SUL Hotels, que reúne os melhores hotéis independentes da América Latina, e sócio dos restaurantes Le Jazz em São Paulo. Sua grande paixão é descobrir os melhores lugares para se hospedar, comer e visitar pelo nosso continente e é esse o assunto tratado por Roberto no Magari Blu.