Cristalino Lodge, um santuário no Sul da Amazônia Brasileira

Viagens pela América Latina por Roberto Farkas Bitelman

O Brasil nunca esteve tanto em alta! Com a desvalorização do real, a atenção se voltou para os destinos nacionais e boas opções não faltam.

Entre as viagens que considero imperdíveis, não posso deixar de indicar a Amazônia – que apesar de ser um ícone do Brasil, é pouquíssimo conhecida entre os brasileiros.

Vista aérea Cristalino Lodge Foto: Divulgação

Vista aérea Cristalino Lodge
Foto: Divulgação

Fauna na Amazônia Foto: Divulgação

Fauna na Amazônia
Foto: Divulgação

Entre as experiências, o Cristalino Lodge se destaca como uma opção excepcional para os amantes da natureza. Localizado numa reserva particular com mais de 11 mil hectares, o que equivale a uma área 6 vezes maior do que o Arquipélago de Fernando de Noronha, o hotel oferece experiências únicas ao ar livre.

Cristalino Lodge Foto: Divulgação

Cristalino Lodge
Foto: Divulgação

Sua estrutura foi construída em total harmonia com a floresta e, apesar de remoto, os bungalôs garantem uma estadia bem confortável.

Bangalôs no Cristalino Lodge Foto: Divulgação

Bangalô no Cristalino Lodge
Foto: Divulgação

Bangalôs no Cristalino Lodge Foto: Divulgação

Bangalôs no Cristalino Lodge
Foto: Divulgação

O hotel recebe hóspedes de todas as idades, mas recomenda para crianças a partir de 9 anos, que já poderão vivenciar uma experiência mais positiva em contato com a natureza.

Estão inclusas pensão completa e atividades diárias de exploração acompanhadas por guias em grupos de até 8 pessoas.

Bar Foto: Divulgação

Bar
Foto: Divulgação

Restaurante Foto: Divulgação

Restaurante
Foto: Divulgação

Passeios guiados Foto: Divulgação

Passeios guiados
Foto: Divulgação

Passeios guiados Foto: Divulgação

Passeios guiados
Foto: Divulgação

*Como chegar?

Por estar localizado no Sul da Amazônia, a chegada ao lodge é via Alta Floresta/MT, que é servida com voos diários da Azul via Cuiabá. Chegando no aeroporto, os hóspedes contam com serviço de transfer incluso, sendo uma hora de carro e meia hora de barco. A viagem já começa com um delicioso passeio!

*Quando ir?

Existem duas estações bem definidas: a seca (de junho a novembro) e a verde (de dezembro a maio). A região pode ser visitada a qualquer época do ano, existindo apenas algumas características mais peculiares em cada época.

Atualmente, o hotel apresenta 2 excelentes opções de programas para 2016 que vale a pena conferir:

Workshop de Yoga e Meditação com Sandro Bosco

De 24 a 30/01/2016, o workshop proporciona um momento especial para se conectar com a natureza. Sandro Bosco tem 43 anos de experiência com Meditação e Yoga e desenvolve há mais de 15 anos atividades específicas voltadas para a consciência corporal e o restabecimento dos fluxos vitais.

Workshop de Fotografia com João Quental

De 28/10 a 03/11/2016 e esta é a quarta edição do workshop no Cristalino. João Quintal é um dos melhores fotógrafos de aves do Brasil e concilia a carreira de professor com aventuras pelos quatro cantos do país em busca de aves.

O Cristalino é um dos melhores locais para “bird watching” no Brasil. Além da sua localização privilegiada, o lodge conta com 2 torres de observação, cada uma com 50m de altura, que permite vistas incríveis.

Fauna na Amazônia Foto: Divulgação

Fauna na Amazônia
Foto: Divulgação

Onde encontrar:
www.cristalinolodge.com.br

Administrador especializado em Comportamento do Consumidor, Roberto Farkas Bitelman está no ramo de viagens há 13 anos e seu trabalho é focado em destinos no Brasil e América Latina. É fundador do selo SUL Hotels, que reúne os melhores hotéis independentes da América Latina, e sócio dos restaurantes Le Jazz em São Paulo. Sua grande paixão é descobrir os melhores lugares para se hospedar, comer e visitar pelo nosso continente e é esse o assunto tratado por Roberto no Magari Blu.