A trilha para Machu Picchu sem acampar

Viagens pela América Latina por Roberto Farkas Bitelman

Conhecer Machu Picchu e a história do Império Inca, de perto, é um sonho para quase todos os amantes da natureza e de viagens culturais. E poder caminhar por vilarejos e lindas paisagens, terminando com uma incrível visita a Machu Picchu, é a forma mais profunda e completa de ter essa experiência.

RFB IMG_0457

Machu Picchu
Foto: Divulgação

RFB IMG_0214-2

Viajante na trilha até Machu Picchu
Foto: Divulgação

Tive a oportunidade de conhecer o Mountain Lodges of Peru, um conjunto de 4 lodges (de apenas 6 quartos cada), espalhados estrategicamente pela Trilha de Salkantay, que possibilitam caminhar de 4 a 6 horas por dia, durante 5 dias, até chegar em no Santuário sagrados dos Incas.

RFB IMG_0045-4

Um dos quatro lodges do caminho
Foto: Divulgação

E a grande diferença do programa para a trilha tradicional é que, depois da caminhada diária, enfrentado algumas subidas e descidas, um pouco de altitude e curtindo cenários maravilhosos, é o único tipo de acomodação que oferece “recompensas” incríveis.

Ao invés de ter que montar sua barraca, cozinhar no fogareiro, enfrentar noites geladas e usar o mato como banheiro, cada um dos lodges oferece quartos super confortáveis com boa ducha, edredons e travesseiros excelentes, chef de cozinha, hidromassagem a céu aberto e massagistas, além de um ambiente acolhedor e convidativo.

RFB IMG_0078-3

Hidromassagem a céu aberto para relaxar após a trilha
Foto: Divulgação

RFB IMG_0200 (1)

Cama confortável de um dos lodges
Foto: Divulgação

É a experiência perfeita para quem quer ter contato com a natureza e as riquíssimas cultura e história local, mas sem abrir mão de conforto e serviços personalizados.

RFB IMG_0288-3

Parada para um banho no topo de uma montanha, no 2º dia de caminhada
Foto: Divulgação

RFB IMG_0120-4

Moradora de um pequeno vilarejo ao longo do caminho, com seu filhinho
Foto: Divulgação

Para mais detalhes dessa experiência, clique aqui!  Boa viagem!

*Administrador especializado em Comportamento do Consumidor, Roberto Farkas Bitelman está no ramo de viagens há 13 anos e seu trabalho é focado em destinos no Brasil e América Latina. É fundador do selo SUL Hotels, que reúne os melhores hotéis independentes da América Latina, e sócio dos restaurantes Le Jazz em São Paulo. Sua grande paixão é descobrir os melhores lugares para se hospedar, comer e visitar pelo nosso continente e é esse o assunto tratado por Roberto no Magari Blu.