5 coisas para não fazer em Roma

Roma é uma das cidades mais incríveis da Europa – e do mundo! Mas, como toda cidade (bem!) turística tem algumas furadas que você não pode se meter. Veja o que NÃO fazer em Roma.

1) Não almoce nas piazzas

Salvo pouquíssimas exceções (como o Dal Bolognese na Piazza del Popolo), restaurantes localizados em praças históricas costumam ser bem “pega turista”. Pratos caros, feitos sem maestria e sem tradição. Fuja correndo de menus com fotos! Mas que bom que atrás de toda praça tem um monte de ruazinhas recheadas de restaurantes locais e menos turísticos, onde você vai comer muito melhor (e mais barato!). Veja aqui nossas dicas de onde comer em Roma.

2) Não faça compras na Via del Corso

A rua comercial mais famosa de Roma certamente estará no seu roteiro, nem que seja para te levar a algum lugar do centro histórico. A multidão que caminha tomando a via dos carros pode até te fazer pensar que é o melhor local para compras – mas não é. Prefira as grifes italianas e internacionais que ficam nas transversais, ou, melhor ainda, as lojinhas locais e descoladas que ficam em Monti, bairro próximo ao Coliseu.

3) Não frequente redes de sorveterias

Depois de alguns dias na cidade eterna, você vai notar que algumas sorveterias “se repetem”. São as redes de sorveteria que atraem muitos turistas, mas perdem a graça (e o sabor) do sorvete artesanal. Não dá para ir a Roma e não tomar um “gelato” verdadeiro. Entre as nossas sorveterias preferidas, estão Giolitti e Ciampini.

4) Não visite apenas o Museu do Vaticano

Passear pelo imenso acervo do Vaticano é imprescindível para quem visita Roma pela primeira vez – ou pelos “repetears” que adoram História. Mas não esgote seu repertório só nele. Roma está repleta de galerias e museus que vão te transportar desde o Império Romano até os dias de hoje (ou o futuro). Entre eles, Galleria Borghese, Palazzo Barberini, Ara Pacis, MAXXI, Villa Torlonia… Aproveite.

5) Não visite Roma em agosto

É o mês de férias dos romanos. Grande parte do comércio e dos restaurantes fecha e o calor é de rachar – quem vive em Roma corre para o mar nesta época! Se tiver flexibilidade nas datas, antecipe para junho ou início de julho, ou deixe para setembro em diante, quando o calor dá uma trégua e o ritmo de Roma volta ao normal pós férias.

Fale conosco para organizar a sua viagem:

[email protected] 

Ana Maria Junqueira é a idealizadora do blog Magari Blu e fundadora da premiada agência de viagens Magari Blu Viagens. Escreve sobre viagens, faz a curadoria de todo o conteúdo que você vê por aqui e organiza roteiros personalizados e reservas.