Novidades por e-mail
Menu Categorias
0

Onde ficar em Thimphu, Butão: Taj Tashi

Onde ficar

17 abr 2017 Publicado por

Como contei aqui, a capital Thimphu pode ser uma excelente primeira parada no Butão. Depois de pousar em um dos aeroportos mais perigosos do mundo, ao colocar o pé para fora do avião já se nota que o reino do Butão tem uma energia diferente.

Taj Tashi em Thimphu
Foto: Divulgação

Sugiro seguir por cerca de 1 hora de carro do aeroporto de Paro até Thimphu e a minha sugestão de hospedagem é o Taj Tashi Thimphu.

Lobby do Taj Tashi e seus gigantescos e maravilhosos sinos
Foto: Ana Maria Junqueira

Taj Tashi
Foto: Divulgação

São 57 quartos e 9 suítes com vistas para as montanhas e distribuídas em um projeto encantador, repleto de referências da arquitetura local com cores vibrantes.

Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

Na chegada, a tradicional kira, vestimenta das butanesas, me esperava sobre a cama. Uma funcionária do hotel veio me auxiliar a vesti-la e foi o primeiro jantar com comida típica, regada ao (ótimo!) vinho local.

Boas-vindas ao Butão no Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

Vestindo a kira emprestada pelo Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

O hotel é inspirado em uma Dzong, a unidade administrativa e religiosa de cada distrito do Butão, onde estão templos budistas. Ou seja, genuíno e lindo.

Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

Pela manhã, um monge budista vem ao hotel para uma benção de boas-vindas aos hóspedes. Depois das orações, ele amarra no nosso pulso uma pulserinha colorida que deve ser usada por 3 dias pelo menos. Boa sorte para quem visita o reino encantado do Butão!

Benção pela manhã no Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

O café da manhã é variado e caprichado, servido no restaurante The Thongsel, que tem janelonas enormes de vidro com vista para as montanhas.

Restaurante The Thongsel no Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

Café da manhã no Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

Restaurante The Thongsel no Taj Tashi
Foto: Divulgação

O Taj Tashi tem, ao total, 4 restaurantes que servem pratos inspirados nas gastronomias butanesa, tibetana e europeia. Como as cidades não têm uma oferta gastronômica, estar em um hotel com bons restaurantes é essencial.

Restaurante Chig Ja Gye no Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

O hotel tem ainda spa com piscina interna, jacuzzi e diversos tratamentos para relaxar e minimizar o jetlag do longo percurso para chegar até aqui.

Spa do Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

Piscina interna e jacuzzi com vista no spa do Taj Tashi
Foto: Ana Maria Junqueira

Testado e aprovado por Magari Blu!

Fale conosco para organizar a sua viagem:

contato@magariblu.com 

Ana Maria Junqueira é a idealizadora do blog Magari Blu e fundadora da premiada agência de viagens Magari Blu Viagens. Escreve sobre viagens, faz a curadoria de todo o conteúdo que você vê por aqui e organiza roteiros personalizados e reservas.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.